cabedelo
surfsurfespacoondasmares

ptenfrdees
Natureza
Natureza
Cultura
Natureza
Desporto
Arte
Desporto
Internet Marketing Bruidsfotograaf

Equipamento Social da Freguesia de Vila Verde já foi inaugurado

2017 07 25 centro vila verde

A Câmara Municipal da Figueira da Foz, a Junta de Freguesia de Vila Verde, o Centro Social Paroquial de Santo Aleixo de Vila Verde e a Administração da EDP - Gestão da Produção de Energia, S.A., inauguraram, dia 15 de julho, o Equipamento Social da Freguesia de Vila Verde, sito na Rua do Cabeço, no Ervidinho, na presença de centenas de pessoas, entre as quais muitos representantes de instituições públicas e privadas, locais e regionais, e entidades civis e religiosas.

A cerimónia iniciou-se com um momento cultural protagonizado pela Filarmónica da Sociedade Instrução e Recreio de Lares e pelo Coral João Mendes, do Grupo Instrução Musical da Fontela, seguindo-se a assinatura de protocolo para transferência do equipamento social da Junta de Freguesia de Vila Verde para o Centro Social Paroquial de Santo Aleixo.

A empreitada, resultado de um protocolo firmado em maio de 2014 e iniciada em 20 de novembro de 2015, custou 607 mil euros (+IVA), financiados pela EDP, no âmbito da responsabilidade social da companhia elétrica e na sequência da construção da central de ciclo combinado de Lares.

Construído no lugar do Ervidinho, ocupando uma área coberta de 915 m2 em piso térreo, com vista para o Rio Mondego, o Equipamento Social da Freguesia de Vila Verde dispõe de várias salas de lazer, refeitório, gabinetes médicos e administrativos, lavandaria, balneários, cabeleireiro, biblioteca e outros espaços de apoio à atividade de centro de dia, para 25 idosos, e apoio domiciliário, para 40 utentes.

Nas intervenções oficiais, Rui Santiago, vice-presidente do Centro Social Paroquial de Santo Aleixo, enalteceu o propósito do equipamento e a confiança na instituição, recordando o papel do Padre Matos no concretizar de um sonho que vem dotar a freguesia de Vila Verde, com cerca de 3.000 habitantes, mais de um terço dos quais com idade superior aos 65 anos, de um serviço há muito necessário e desejado.

Miguel Valles, da EDP - Gestão da Produção de Energia, S.A., afirmou a satisfação por ver inaugurado um equipamento «avaliado muito positivamente» pela empresa que tem como filosofia de responsabilidade social o envolvimento com a comunidade local mais diretamente atingida pelo seu impacto, apoiando iniciativas realizadas em benefício da população. «Há muitos outros programas em curso, porque este é um relacionamento frutuoso e de longo prazo», acrescentou, sublinhando, ainda, a satisfação da EDP por ver a concretização deste equipamento acontecer «dentro do prazo estipulado e sem derrapagens orçamentais».

Vítor Alemão, presidente da Junta de Freguesia de Vila Verde, não escondeu a emoção de ver cumprido um sonho antigo da população que representa. «As minhas palavras só têm um sentido: gratidão», disse, agradecendo o empenho das pessoas que, na EDP, acompanharam a par e passo o projeto, bem como à Segurança Social, entidade a que solicitou especial atenção para a necessidade de apoiar um lar para a 3.ª idade nesta freguesia, e à Câmara Municipal da Figueira da Foz, «por ter resolvido as falhas que inevitavelmente vão surgindo e incentivado e melhorando sempre o projeto, assumindo ainda o encargo dos arranjos exteriores, inicialmente não previstos».

Pela Segurança Social, Ramiro Miranda enalteceu «as ótimas condições do equipamento» que serve a partir de agora a população sénior, bem como «as sinergias entre entidades, públicas e provadas, verdadeiramente parceiras» que o tornaram possível e que são o exemplo dos benefícios das boas práticas na «responsabilidade partilhada entre Estado e Sociedade Civil».

A concluir as intervenções, o Presidente da Câmara Municipal da Figueira da Foz, João Ataíde, agradeceu à EDP o apoio neste e noutros projetos, numa lógica de responsabilidade social de alcance multigeracional. «A Autarquia não é agente de ação social mas tem um importante papel na sua coordenação e, neste caso em concreto, sabemos que, com o Centro Social Paroquial de Santo Aleixo de Vila Verde, este equipamento está em boas mãos», afirmou o edil, que manifestou ainda satisfação por ter podido assegurar que «saneamento, acessibilidades e outros serviços públicos» estavam concluídos a tempo de garantir a completa funcionalidade do Equipamento Social da Freguesia de Vila Verde.

A cerimónia terminou com a bênção das instalações, o corte de fita e descerramento de placa comemorativa da inauguração, visita ao equipamento e beberete oferecido à população.

Copyright © 2014 Município da Figueira da Foz | Desenvolvimento WRC | Design Sigyn |